06/03/2013

Mais uma estrelinha no céu.

Bom, hoje pela manhã, eu estava saindo para ir a escola quando me deparo com a notícia de que Chorão o vocalista da banda Charlie Brown Jr, havia sido encontrado morto em sua casa. Sim, eu entrei em choque, e não queria mais ir pra escola, queria ficar em casa apenas chorando e lembrando de quando eu conheci as musicas dele e tals. Mas, infelizmente, eu tive que ir a escola.. Lá me deparei com mais pessoas iguais a eu, tristes por causa da morte do Chorão.. Mas o Chorão.. Vamos conhecê-lo um pouco mais?

*********************


Alexandre Magno Abrão, nasceu no dia 09 de Abril de 1970, mais conhecido como Chorão, ele foi um cantor, compositor, cineasta, poeta, roteirista e empresário brasileiro. Foi o vocalista, principal letrista e cofundador da banda santista Charlie Brown Jr., em que a formou em 1992 junto com Renato Pelado, Macarrão, Champignon e Thiago Castanho
O apelido Chorão veio quando ele estava vendo os amigos andando de skate, e um deles passou por ele e, para zombar dele, dizia "não chora!", já que ele não sabia andar. E pegou o apelido, Chorão.
Teve uma infância e adolescência, difíceis. A mãe era doméstica, fazia pastel, cozinhava para fora para ele ir entregar. Chorão vivia na rua, mal ia a escola, parou de estudar na sétima serie, e frequentemente tinha problemas com a Polícia.


Quando ele tinha onze anos, seus pais separaram-se. Aos quatorze anos, sua mãe teve um derrame e quase morreu. Foi nessa época que ele começou a andar de skate, sua grande paixão. Correu vários anos no campeonato de skate e ainda foi vice-campeão paulista.


Chorão foi encontrado morto por seu motorista, na madrugada de hoje, em um apartamento que ocupava esporadicamente no bairro de Pinheiros em São Paulo. Segundo a polícia que descartou inicialmente a hipótese de homicídio, o apartamento em grande desordem, com garrafas vazias de bebidas, embalagens de remédios e marcas de sangue.












Bom, quando eu conheci o trabalho do chorão, foi por parte da musica Dias de lutas, dias de glória. Infelizmente nosso querido Chorão morreu, que ele descanse em paz.
Só os loucos sabem porque o céu ta azul hoje..


Um beijo e até o próximo post.
Acompanhe nas redes sociais

3 comentários:

  1. Oieeee
    Entendo o post... Tbm senti a perda dele... Não era fã de ir em shows e acompanhar a carreira, mas sempre tive um respeito enorme por ele e a banda dela... Amava as músicas!
    Perda muito grande para a musica brasileira...
    Bjossss
    http://morenanude.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Puxa Bia...eu não sei o que falar... Eu vi o CBJr estourar... Eu fui em dois shows deles, e era a melhor coisa do mundo, eu fiquei muito muito triste com essa notícia. É até bom saber que vc, que nasceu bem depois deles estourarem, curtia cbjr e sentiu a morte desse cara que foi fantástico na sua rebeldia, na sua poesia...sei lá...

    Bjinhos
    Ju
    Asbesteirasquemecontam.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Fiquei super triste ao saber da morte do Chorão, principalmente porque foi um dia após à morte do aluno Marcos Engi, que também gostava de skate e Charlie Brown Jr.
    Minha história como o Charlie Brown iniciou quando eles tocaram pela primeira vez na rádio, depois disso fui em alguns shows no início da carreira dos caras. Lembro que os shows era em locais pequenos, então eu ficava muito próximo ao palco.
    Ano passado prometi ao meu filho de levá-lo a um show do Charlie Brown Jr, infelizmente, não poderei cumprir a promessa.
    Chorão foi, sem dúvida, de muita importância para o rock brasileiro.

    ResponderExcluir